Everson Assis fica em 4º e Avaí sobe na classificação geral na Volta do Uruguai

A equipe de ciclismo AVAÍ/FME/APGF está no Uruguai competindo na 73ª Vuelta Ciclista de Uruguay. Hoje foi disputada a 8ª etapa, com 107km entre Melo e Treinta y Tres.

O dia começou conturbado por conta das condições da estrada. A situação levou os atletas do pelotão a decidirem neutralizar praticamente toda a primeira metade da etapa. O restante foi marcado pelas dificuldades do trajeto, que tinha muitas subidas e muito vento, e o pelotão inicial rapidamente se dividiu em vários grupos. Cerca de 26 atletas se mantiveram à frente até o final da etapa, incluindo os avaianos Matias Medici, Everson Assis e Gilberto Gois.

Dia 8-10

Na chegada, mais polêmicas. Uma queda nas últimas curvas antes da chegada levou vários ciclistas ao chão, incluindo Richard Mascarañas (Schneck Alas Rojas). O atleta se levantou e finalizou a etapa, ficando com o mesmo tempo do grupo. Fabián Aguilar (Schneck Alas Rojas) bateu Laureano Rosas (SEP San Juan) na chegada, mas foi punido por ter fechado indevidamente o argentino durante o sprint final. Com isso Laureano levou a vitória na etapa, e se aproximou da 2ª posição na classificação geral.

Dia 8-12

Fabián Aguilar venceu o sprint, mas foi punido por fechar o argentino Laureano Rosas e perdeu a vitória.

Para o Avaí foi um bom dia. O campeão brasileiro Everson Assis disputou o sprint final e cruzou a linha de chegada em , mas com a punição de Aguilar ficou em . Além disso também subiu para o 15º lugar na geral. Matias Medici cruzou logo atrás junto com o pelotão, e manteve sua 5ª posição na geral. Na classificação por equipes ganhamos duas posições e agora estamos em

Dia 8-13

Everson Assis cruzou em 5º, mas depois ficou com a 4ª colocação.

PRÓXIMA ETAPA
Amanhã será realizada a 9ª e penúltima etapa, com 159km entre Mariscala e Rocha. A competição termina neste domingo, em Montevideo.

Vuelta-1

A Vuelta Ciclista de Uruguay é a prova mais antiga da América Latina, tendo sido realizada pela primeira vez em 1939. Atualmente a prova é homologada pela UCI na categoria 2.2.

A 73ª edição da Vuelta será disputada em 11 etapas, com um total de 1.421,5km.

Etapas da 73ª Vuelta Ciclista del Uruguay
1ª Etapa: Montevideo – Minas (109,2km)
2ª Etapa: Minas – Tala – San Ramón – Florida (143km)
3ª Etapa A: Santa Lucía – Canelones (11,4km) – Contrarrelógio por equipes
3ª Etapa B: Santa Lucía – San José – Colonia (150,3km)
4ª Etapa: Nueva Palmira – Dolores – Mercedes – Fray Bentos – Mercedes (173,9km)
5ª Etapa: Young – Trinidad – Durazno (164,1km)
6ª Etapa: Durazno – Paso de los Toros – Tacuarembó (203km)
7ª Etapa: Melo (32,2km) – Contrarrelógio individual
8ª Etapa: Melo – Treinta y Tres (107,1km)
9ª Etapa: Mariscala – Aiguá – San Carlos – Rocha (159,1km)
10ª Etapa: San Carlos – Pan de Azúcar – Montevideo (168,2km)
TOTAL: 1.421,5km


Para esta competição a equipe AVAÍ/FME/APGF conta com os atletas:
Matias Medici, Everson Assis Camilo, Edson Luiz de Resende, Gilberto de Veiga Gois, Eduardo Pini e Geovanny Mauricio
Técnico: Diones Chinelatto
Dirigente: Francisco ‘Chicão’ Severiano
Assessor de imprensa: Vinícius Leyser da Rosa

A equipe AVAÍ / FME Florianópolis / APGF conta com os seguintes patrocinadores:
Prefeitura Municipal de Florianópolis, PLASC, ORBEA, OAKLEY, FTH.


Dia 8-3

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *